Novembro Azul, bigodes conscientizadores | Friends Care
Precisando de
Home Care?

ou ligue para:
11 4127-3849

Novembro Azul, bigodes conscientizadores
Imagem: A. C. Camargo

Imagem: A. C. Camargo

Campanha contra o câncer de próstata cresce em todos os continentes

Este mês a campanha Movember completa 11 anos. E você sabe do que se trata? É um movimento criado em Melbourne, na Austrália, como parte da mobilização pelo “Novembro Azul“, uma iniciativa mundial de conscientização sobre problemas que afetam a saúde masculina, especialmente o câncer de próstata e o câncer de testículo. Embora o “Novembro Azul” seja, na verdade, um mês de campanha contra a diabetes, acabou se associando a uma versão masculina do “Outubro Rosa”, que tem a mesma ideia de promover atividades voltadas ao diagnóstico e prevenção do câncer de mama.
A ação foi intitulada como Movember por causa do trocadilho moustache (bigode) + november (novembro). Isso porque, em 2003, australianos tiveram a ideia de deixar seus bigodes crescerem durante o mês em que se celebra o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata (17 de novembro) e o Dia Internacional do Homem (19 de novembro), chamando mais atenção para as doenças que podem ser facilmente curadas se diagnosticadas precocemente.
A campanha se espalhou por mais 21 países, na África, na América do Norte, na Ásia e na Europa. Na América do Sul a iniciativa ainda é tímida, mas começa a pegar força.

O Instituto Lado a Lado pela Vida é um dos pioneiros a lançar o Novembro Azul no Brasil e seus dados assustam: o câncer de próstata é o segundo tipo que mais mata homens no Brasil, atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. A cada seis homens, um tem a doença e em 2015, a estimativa é de que 69 mil novos casos sejam diagnosticados.

A campanha tem o apoio de instituições, empresas e governos. Em São Paulo, por exemplo, haverá iluminação azul nos pontos turísticos entre os dias 13 e 17, além de palestras sobre o tema, jogos de futebol em apoio à campanha, lançamento de livro e muito mais.

“Não pense que apenas idosos podem ser portadores de um câncer de próstata, esta doença afeta com maior frequência homens a partir dos 50 anos. Outros fatores que podem levar um homem aparentemente saudável a desenvolver o câncer são o histórico da doença na família (estes precisam começar a fazer o exame preventivo a partir dos 40 anos), os hábitos alimentares (dieta rica em gorduras e pobre em verduras, vegetais e frutas) e o excesso de peso”, lembra o cuidador de idosos da Friends Care, Pedro Alexandre de Oliveira Lourenço.

A doença é silenciosa e o câncer cresce lentamente, sem sintomas. Tumores em estágio mais avançado podem ocasionar dificuldade para urinar, sensação de não conseguir esvaziar completamente a bexiga e presença de sangue na urina. Se diagnosticado no estágio inicial há 80% a 95% de chance ser curado.

Autora: Deise Cavignato

Nenhum Comentário »

Nenhum comentário ainda.

Feed RSS dos comentários deste post TrackBack URL

Deixe um comentário

Atendemos toda em as cidades do ABC. Cuidamos de idosos em Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra!